Guia Monte Verde

Acompanhe as novidades do GUIA:

RSS FeedTwitterFacebook

Desenvolvido por
Toque de Midas

Aspectos Gerais


Conheça um pouco mais sobre Monte Verde


Monte Verde: o frio das montanhas e a paz do interior

Situada em um vale no alto da Serra da Mantiqueira, Monte Verde se tornou famosa por suas próprias qualidades. Próxima dos grandes centros de um país tropical como o Brasil, Monte Verde apresenta características tipicamente européias; reúne os mesmos atrativos da agitada Campos do Jordão, mas oferece a tranqüilidade de uma pequena cidade do interior. Enfim, é uma ótima alternativa para quem procura o clima frio das montanhas e a paz do convívio íntimo com a natureza.

Com sua economia voltada basicamente para o turismo, Monte Verde recebe visitantes o ano todo, em especial amantes do turismo ecológico. Contudo, a vila ficou mais conhecida por proporcionar uma atmosfera charmosa e propícia ao romance, o que a transformou em um dos destinos mais procurados por namorados e casais em lua de mel.



UMA TÍPICA PAISAGEM ALPINA

Do aeroporto, uma vista que lembra os Alpes

O cenário lembra uma paisagem dos Alpes suíços: espalhadas pelo vale e pelas encostas das altas montanhas da Mantiqueira, sempre em meio a muito verde, erguem-se as casas construídas em autêntico estilo alpino. No inverno, a névoa que encobre toda a região e a fumaça que sobe das chaminés tornam ainda mais vívida a impressão de que estamos em um pedaço dos Alpes.


Essa semelhança com as terras altas da Europa atraiu e continua atraindo alemães, suíços, italianos e muitos outros que, saudosos de sua terra natal, elegeram Monte Verde como seu lar. A influência européia é visível em todos os lugares: desde o estilo das construções até os produtos encontrados no comércio local, nos restaurantes e suas comidas típicas.



CLIMA

Geada em uma manhã de invernoSituada em altitudes que variam entre 1500 e 1600 metros, Monte Verde apresenta um clima frio e seco, característico de regiões montanhosas. No verão as médias são de 26°C durante o dia e 14°C à noite; já no inverno, as temperaturas freqüentemente caem abaixo de zero, atingindo com facilidade a marca de -10°C. Não chega a nevar (embora isso já tenha acontecido algumas vezes), mas nas manhãs de inverno é comum o sol se levantar em meio a uma paisagem totalmente recoberta de gelo, produzindo um visual fantástico.


Em agosto de 1999 foi registrada uma das temperaturas mais baixas da história: -13°C. Mas nem é preciso tanto: sempre que os termômetros alcançam valores negativos, Monte Verde acorda vestida com a sua típica roupagem branca de inverno. É o momento de deixar a preguiça de lado e levantar cedo para presenciar e registrar imagens incríveis da paisagem congelada.



AS GRANDES MONTANHAS

Montanhas e nuvens: uma vista de tirar o fôlegoA topografia acidentada da região é dominada pelas imponentes montanhas da Mantiqueira, cujos picos se elevam a mais de 2000 metros de altura. Um passeio obrigatório para quem visita Monte Verde é percorrer os caminhos que levam aos mais altos pontos da serra; lá de cima se descortina uma paisagem magnífica. É impossível não se impressionar com a imponência do cenário e com o espetáculo visual proporcionado pela natureza!



FLORA & FAUNA

A região é dominada por uma rica vegetação, formada por trechos remanescentes da Mata Atlântica (incluindo araucárias nativas com centenas de anos de idade), além de uma extensa área de reflorestamento constituída de pinheiros e eucaliptos. Boa parte da mata original está hoje sob proteção governamental e constitui a Área de Proteção Ambiental (APA) Fernão Dias.

Essa grande quantidade de vegetação favorece a existência de várias espécies animais, em especial pássaros de diversos tipos. Uma quantidade impressionante de beija-flores das mais variadas cores dominam todos os cantos com o seu balé aéreo. Sempre à procura de frutos, os esquilos também são uma presença constante nos bosques da região, e se transformaram em um símbolo de Monte Verde.



AS ORIGENS

Fazenda que originou a vilaEm 1936, a região conhecida como Campos do Jaguari recebeu uma pessoa que mudaria a história do local: recém-casado, um jovem e empreendedor imigrante da Letônia chamado Verner Grinberg chegou aqui à procura de um lar cujo clima e paisagem lembrassem sua terra natal. Formando a Fazenda Pico do Selado, aos poucos a família Grinberg foi cedendo lotes para que amigos e conterrâneos construíssem casas e viessem viver aqui. Esse povoado recebeu o nome de Monte Verde (tradução literal do sobrenome de seu fundador). Finalmente, em 1952 Verner Grinberg decidiu lotear parte da fazenda, o que atraiu principalmente letões, húngaros e alemães que deram início à construção de uma vila com aspecto tipicamente alpino.

A pequena vila cresceu devagar e pouco mudou durante muito tempo, mas nos últimos anos o aquecimento do turismo levou a um crescimento inevitável. Sob o olhar de alguns moradores preocupados com o progresso descontrolado, em fins dos anos 80 a estrada de acesso acabou sendo parcialmente asfaltada. Até hoje, pessoas dispostas continuam lutando para preservar as belezas naturais da região e manter as características originais da vila. Se depender delas, Monte Verde jamais perderá o seu charme de vila alpina.



Indique a um amigoCaixa de Sugestões

Textos e imagens © 2000-2017 GUIA MONTE VERDE.
Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução deste conteúdo sem permissão expressa do autor.

Gostei